Arrastão no Leblon

Arrastao no LeblonLigo a televisão e vejo as cenas chocantes de mais um arrastão na praia do Leblon, no Rio de Janeiro. O arrastão, para quem não lembra, surgiu em meados dos anos 90 e era praticado nos finais de semana nas praias da zona sul carioca. O modus operandi: um bando de jovens corria atrás de várias pessoas na praia; no meio da confusão gerada, roubava seus pertences. Nas últimas semanas, essa forma de assalto voltou às manchetes dos jornais e telejornais porque as vítimas eram, na maioria, turistas estrangeiros. Foi realmente chocante ver pessoas indefesas sendo agredidas, derrubadas na praia, outras se defendendo precariamente com guardas-sol e tentando, em vão, fugir dos delinqüentes. A violência sempre deixa um rastro de insanidade por onde passa. A sensação de abandono, de que a vida humana parece valer cada vez menos é algo, no mínimo, assustador. Imagine-se num banho de mar e, de repente, ver seus familiares e amigos sendo agredidos por dez, 15 pessoas ao mesmo tempo. Cada vez mais, viver parece ser uma aventura muito perigosa.

2 Responses so far.

  1. Rodrigo disse:

    Dia 08/09/07, estava com minha irmã andando pela praia do Leblon e fomos cercados por uns 20 guris (exatamente como a situação descrita). Queriam roubar minha mochila em que eu guardo material de estudo e meu óculos de grau de sol, mas eu segurei firme a mochila, falei que não havia nada de valor, negociei o relógio, uma situação totalmente surrealista. Da minha irmã levaram a câmera fotográfica que ela tanto gostava e mais umas coisinhas. Havia uma viatura policial bem em frente, mas ninguém se intimidou. Tive que levar minhã irmã mais cedo para casa, pois ao andar pela rua, ela ficou com muito medo dos olhares. É, e a situação se repete.

  2. Bonde do 155 disse:

    É Nós na fita mané,
    tirando onda aparecendo na Globo e tudo
    não adianta ficar criticando nós aki,
    pq quando nós ti pega no pistão, vc fica d joelho pedindo pra não morrer.
    Num sei pq tanta indignação, o q o bonde roubou não vai fazer falta pros gringo memo.
    E os cãna respeita e adimira o nosso bonde..
    liberdade pros que tão presos..
    saldade dos que se foram.. Leomir, Macaquinho, Fofão e outros que Deus conceda um bom lugar pra esses manos


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado