Foto chocante: Criança guerrilheira

Crian a guerrilheiraNão faz muito tempo fiquei chocado ao ver a fotografia de uma criança palestina, ainda de colo, usando trajes mirins de guerrilheiro. E me lembrei de outras fotografias, dessas que não saem da memória, antológicas, como aquela dos anos 70, da criança correndo nua a fugir das bombas Napalm na Guerra do Vietnã. E mentalmente entoei a canção de Vinícius de Moraes: “Pensem nas crianças/ Mudas telepáticas/ Pensem nas meninas/ Cegas inexatas (…)”. O relatório de 2004 do Fundo das Nações Unidas para a Infância mostra a situação da mortalidade infantil no mundo. Revela que quase metade dos países está prestes a quebrar a promessa de reduzir em dois terços o número de mortes de crianças menores de cinco anos até 2015. A Aids e os conflitos armados são alguns dos principais fatores a contribuir para que, em algumas partes do mundo, o índice de mortalidade de meninos e meninas aumente a cada dia. Duas décadas se passaram e os versos resistem bravamente: “A rosa radioativa/ Estúpida e inválida/ A rosa com cirrose/ A anti-rosa atômica/ Sem cor sem perfume/ Sem rosa sem nada”. É assim que o mundo ficará se a marcha da insensatez não for detida.

One Response so far.

  1. phentermine disse:

    phentermine

    patters elementals personifying roofs!observation Adirondack Frisian eddy phentermine http://phenterminehclhere.blogspot.com/


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado