Idosos começam a lutar pelos direitos

Idosos sao atuantesEm 2025 o Brasil terá 32 milhões de pessoas com mais de 60 anos, tornando-se assim o sexto país com maior número de idosos no mundo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). A expectativa de vida dos brasileiros cresceu em quase nove anos desde 1980. Mas isso tem uma contradição paralizante: se a cada dia temos a perspectiva de morrer mais tarde, somos também descartados cada vez mais cedo, principalmente no mercado de trabalho. Como vencer essa situação paradoxal? A aprovação do Estatuto do Idoso, em 2003, foi um passo muito positivo na tentativa de facilitar a vida dessa faixa etária de nossa população. Os idosos estão começando a reclamar os seus direitos e informando-se sobre eles. Há pouco tempo, o bem-estar do idoso passava pela sua conscientização sobre a aposentadoria. Os idosos precisam se dar conta de que a aposentadoria não significa parar de trabalhar, mas sim passar a fazer aquilo de que se gosta. Seja com ou sem remuneração. E a criação de programas especiais para os idosos retornarem às atividades, apoiá-los em sua reinserção no mercado de trabalho, é algo inadiável. O que infelicita uma pessoa, idosa ou não, é sentir-se descartável, inútil.

2 Responses so far.

  1. insurance quote

    intonations Tanya Sousa tins franks stressed auto insurance san diego http://auto-insurance-san-diego.right-insurance.com/

  2. Antônio Almeida Chagas Filho disse:

    Boa noite amigos e colaboradores da causa: “Envelhecer com Dignidade”.

    Envio os links abaixo com uma matéria minha, no site do “Portal do Envelhecimento” para enriquecer os trabalhos sobre o envelhecimento e a luta pela causa “Envelhecer com Dignidade”:

    http://www.portaldoenvelhecimento.net/pforum/aptv38.htm

    http://www.portaldoenvelhecimento.net/principal/principal.htm

    Muito obrigado e a luta é constante, divulgue nosso trabalho, todos nós necessitamos. A causa é rica de necessidades, grandiosa e crescente dia a dia e maravilhosa.

    Apenas com luta e conhecimento teremos um envelhecer melhor com Políticas Públicas dignas de nosso povo e da humanidade.

    Muito obrigado.

    Antônio Almeida Chagas Filho
    Vice-Presidente do Conselho Municipal do Idoso de Taboão da Serra – SP
    Médico


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado