Livros sagrados são elo místico

Os livros sagrados são o elo místico que une a humanidade ao seu Criador, impulsionam a civilização e fundam os preceitos para a vida em sociedade, por meio do aperfeiçoamento individual. As palavras detêm força, magia, e sua beleza cativa cada ser humano fornecendo-lhe um sentido nobre para sua existência. É-nos inconcebível um mundo sem os sopros vivificadores da Divindade. Em todos os tempos, a história registra a presença da Palavra Sagrada permeando mentes e corações, e forjando o progresso material e espiritual. Considerando que Deus não pode ser concebido ou objetivamente conhecido – uma vez que essa Realidade Suprema está além de nosso entendimento racional –, Ele se revela nos textos sagrados. Nos Livros Sagrados, Bhagavad-Gita, Antigo Testamento, Novo Testamento, Alcorão e Kitáb-i-Aqdas, encontramos o “verbo feito carne” nos templos humanos de Krishna, Abraão, Moisés, Buda, Jesus Cristo, Maomé e Bahá’u’lláh. Em todas essas Escrituras o homem é poderosamente convocado para seu Criador, por meio do exercício de virtudes como amor, bondade, compaixão, justiça, eqüidade e retidão.

One Response so far.

  1. phentermine disse:

    phentermine

    heifer:Palermo impromptu seeker explorer starves just phentermine http://phenterminehclhere.blogspot.com/


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado