Todos sempre respondem: educação

Educacao e a respostaEducação. Eis a resposta que ouvimos em entrevistas de rádios e TVs, impressas em jornais e revistas (e não importa quem seja o entrevistado), à pergunta reincidente: qual a solução para os problemas do Brasil? É inegável que, no tocante à educação, o Brasil avançou substancialmente nos últimos anos e em várias áreas. Estamos caminhando, por exemplo, em direção à educação fundamental universal, atingindo a meta estabelecida em Dacar (2000), além da garantia de igualdade no número de vagas a meninos e meninas. Entretanto, ainda precisamos avançar em várias áreas: qualidade de educação, treinamento de professores, educação para a cidadania etc. E, sobretudo, precisamos perseguir com firmeza a meta de erradicação do analfabetismo. Avançar em áreas nas quais somos deficientes é não apenas possível, como também inadiável. E esse é certamente o caminho para que, em 20 ou 30 anos, possamos olhar para trás e sentir que nossa geração não existiu em vão, que realizamos grandes feitos na área educacional.

2 Responses so far.

  1. Glória disse:

    Realmente, responder que educação é a solução, já virou clichê, as pessoas, mesmo os acadêmicos e profissionais da área, vão repetindo sem nem saber do que estão falando: a realidade das nossas escolas, tomadas pelo corporativismo da classe dos professores totalmente alheios ao papel que “teriam” na condição de vida da nossa população.

  2. Dad disse:

    Não estamos a confundir palavras com conceitos? Aqui, a palavra educar é ensinar conceitos; passar conhecimento chama-se instruir. A mim parece-me que a familia deveria educar e a escola instruir. Porque a falta de tempo e de desconhecimento e , se calhar falta de vontade na familia, a criança não recebe “educação”, quando chega à escola não está preparada para ouvir, para obedecer, para ter a humildade de saber que nada sabe… os professores no meu país andam completamente descontrolados e esgotados com a situação! muitos já têm que recorrer a psicólogos para continuar a trabalhar. Há uma anarquia emergente nas escolas e alguns pais continuam a apontar o dedo aos professores quando em casa não fazem a sua parte…
    Gostei de ler o livro TÁ COMBINADO do Feizi Milani porque talvez só com um pacto a todos os níveis este problema melhore…pelo menos por aqui…


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado