Brasil terá computador a baixo custo!

M quina de escrever e os dinossaurosHoje, quando alguém fala em máquina de datilografar parece que está falando do famoso Tyranossauro Rex. É que desde os anos de 1980, com o advento dos computadores para uso pessoal a velha máquina foi definitivamente aposentada, como também uma série de outras engenhocas, como o Telex. Nos últimos vinte anos o mundo passou por uma verdadeira revolução. Os computadores trouxeram o futuro para o presente. E, com isso, a palavra de ordem passou a ser nada menos do que promover uma ampla inclusão digital. Pois bem, o Brasil será o terceiro país do mundo e o primeiro da América do Sul a fabricar o Personal Internet Communicator (PIC), computador de baixo custo fabricado pela First International Computer (FIC) e pela AMD. O equipamento, batizado por aqui de FIC Conectado, é a principal arma da estratégia da AMD, que prevê a inclusão digital de 50% da população mundial até 2015. O PIC será comercializado por R$ 850,00 com disco rígido de 10 GB, e outras facilidades como o potente processador AMD Geode GX500. Este computador virá com sistema operacional Windows CE. Mas, ao mesmo tempo, governos e ONGs estão trabalhando também pela conquista dos chamados softwares livres, visando diminuir os custos com a aquisição dos programas, sem os quais, para nada servem os computadores… Ter um computador hoje, é fundamental para acompanhar os novos tempos. E é também uma questão de direito.

4 Responses so far.

  1. Baixo custo com Windows?
    Pensei que iriram adoptar o Linux.

  2. Jonas Polli disse:

    O custo ideal seria algo como 10% do salário mínimo, ou seja, R$ 30,00. Do contrário nada de inclusão digital, nada de acesso às massas pobres do Brasil. Mas, para começar, R$ 850,00 pode até ser razoável mas que não é aceitável, não é.

  3. AlfredoSirkis disse:

    De onde vc tirou o tyranossauro rex? Mas ele bem lembra a velha máquina olivetti que tinha em meu escritório… parabéns pelo texto. Triste mesmo é preço de R$ 850,00 por um micro “de baixo custo” quando o salário mínimo chega apenas a R$ 300,00…

  4. Andrea Bastos disse:

    E pensar que meu micro me custou exatos R$ 1.257,00 !!! Os preços têm que cair mais. Senão, vamos amargar um mundo virtual de uns poucos. Coisa de rico em terra de pobres, muitos, muitíssimos pobres. Quando estarão à venda?


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado