Marina Silva eco guerrilheiraO jornal britânico The Independent citou a ministra Marina Silva (foto), do Meio Ambiente, como uma das dez pessoas que mais lutam pelo ambiente no planeta. O ranking foi feito pelo jornalista especializado em ambiente Fred Pearce, e coloca a brasileira ao lado da ativista queniana Wangari Maathai, Prêmio Nobel da Paz de 2004, e do militante antibiotecnologia francês José Bové, famoso por seus ataques a lanchonetes McDonald’s. O jornal afirmou que Marina Silva está envolvida em proteger a floresta amazônica e a vida de seus guardiões, incluindo os seringueiros. E destaca que juntamente com Chico Mendes, que foi assassinado em 1988, ela ajudou a organizar a resistência aos madeireiros no Estado do Acre”. Outros “eco-guerreiros” listados pelo “Independent” são Paul Watson, fundador da ONG Sea Shepherd e Amory Lovins, profeta da energia renovável. Apesar desse reconhecimento internacional, convivemos no Brasil com gritantes violações ao meio ambiente como as recentes queimadas na Amazônia e o crescente número de espécies animais que se encontram em risco de extinção. E não bastasse o assassinato no ano passado da missionária canadense Dorothy Stang. Certamente uma das granbdes defensoras do meio ambiente na América Latina. Quando despertaremos para o fato de que o que infelicita a parte, infelicita o todo? Que lutamos por um todo ambiente, bom, saudável para todos?

One Response so far.

  1. Marcia Kawabe disse:

    Puxa, que bacana isso!


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado