Buscando um lugar ao sol… no exterior

Buscando um lugar ao solAinda temos na memória a última novela da Globo, América, tendo como protagonista um personagem que de tudo fez para ir aos Estados Unidos ganhar a vida e de quebra, enviar recursos financeiros à sua família. Pois bem, as remessas de dinheiro enviadas por imigrantes latino-americanos aos seus países de origem se tornou pilar da economia de vários países da região, chegando a representar um quinto do PIB do Haiti, El Salvador e Nicarágua. É o que diz um estudo espanhol publicado nestes dias pelo jornal El País. O estudo Anuário da América Latina 2004-2005, do Instituto Elcano, afirma que as remessas para a América Latina aumentaram 20 vezes desde 1985. Segundo Carlos Malamud, editor do anuário, a pergunta agora é se essas remessas significam avanços no desenvolvimento. Os países que em 2004 receberam mais dinheiro de seus imigrantes foram o México, Brasil e Colômbia, mas se for levado em consideração o que representam essas remessas nas economias locais, são o Haití, El Salvador e Nicarágua os países que mais dependem de seus cidadãos que vivem no estrangeiro, afirmou o jornal espanhol. Enquanto isso continua como prioritária a necessidade de rápida implementação de medidas governamentais visando diminuir os elevados índices de desemprego no país. Afinal, estamos cansados de saber que um brasileiro, no mais das vezes, procura viver em outro país, tendo como objetivo principal conseguir um emprego e… enviar em moeda forte auxílio financeiro aos familiares… triste sina!


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado