Cotidiano das Escolas: Entre Violências

Entre violenciasTenho em mãos uma pesquisa recentemente divulgada no Fórum Mundial de Educação, ocorrido em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. A pesquisa tem um título que diz tudo: “Cotidiano das Escolas: Entre Violências“. De acordo com o levantamento, 35% dos alunos e 29% dos adultos já viram algum tipo de arma na escola. As armas brancas (facas, canivetes, punhais etc) são as mais comuns. Ainda assim, 12% dos estudantes já viram uma arma de fogo no colégio. Esse número cai para 10% quando a pergunta é feita para um adulto. A pesquisa também revelou que 3% dos estudantes ouvidos admitiram ter levado um canivete para a escola, e apenas 1% assume ter portado revólver. Aqueles que assumiram o comportamento disseram que se trata de uma forma de proteção e que não tinham intenção de praticar algum crime. O estudo foi realizado em escolas públicas urbanas, estaduais e municipais, com pelos menos 500 alunos. Foram entrevistados, em 2003, 9.744 alunos e 1.678 adultos de cinco capitais (Belém, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre) e do Distrito Federal. Com esses dados vemos que a violência está bem presente no ambiente escolar. Um ambiente que luta para ser uma barreira efetiva contra o alastramento da violência que inferniza tanto a sociedade brasileira.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado