A cabeçada de Zidane

A cabecada de Zidane 01Já comentamos aqui a bola dentro da Fifa de ter feito campanha aberta contra o racismo neste mundial de futebol de 2006. O juramento ético proferido pelos capitães das seleções nacionais, as faixas com os dizeres “Diga não ao racismo”, tudo isso marcou a Copa da Alemanha. A própria receptividade dos anfitriãs a gente de tantas culturas, nacionalidades, crenças ficou como uma marca registrada. Salvo um porém. Uma copa tão bem organizada, tão politicamente correta, em todos os sentidos, ficou nublada pelo contornos dramáticos da decisão, no Estádio Olímpico de Berlim, graças à atitude impensada e totalmente despropositada da agressão cometida pelo jogador francês Zinedine Zidane no zagueiro italiano Materrazi, em plena partida final da Copa. E o que poderia ter sido um belo espetáculo, anunciando inclusive o fim de carreira do craque francês se transformou em um dos momentos mais marcantes da história do futebol mundial. O irônico ficou por conta da Fifa, ainda assim, Zidane ganhou a Bola de Ouro, prêmio concedido ao melhor jogador da Copa do Mundo, apesar de ter sido expulso na final. A Bola de Ouro logo será esquecida, mas sua agressão infame, ficará registrada na história dos mundiais de futebol. Infelizmente.

5 Responses so far.

  1. SAM disse:

    Quem sabe o que aconteceu aí?
    Que foi impensado? Indubitavelmente!
    Que foi despropositado? Já não sei…

    A versão mais unanime em diversos jornais (CNN, MSNews, FOX) é que a atitude absurda e irracional de Zidane foi uma resposta a outra atitude absurda e irracional de Materrazi. Um agradiu fisicamente com a cabeça no peito do outro, o outro agradiu verbalmente sem a cabeça o coração de um (chamando-o de “terrorista nojento”).

    Se a versão se confirma… a vergonha deve ser compartida não só pelo campeão da Bola de Ouro, mas também pelo time campeão da Copa…

  2. Ale Pei disse:

    Certamente que um jogador de futebol deve ser profissional e deveria simplesmente jogar durante os 90 minutos, porém as coisas dentro do campo fogem ao que é captado pelas câmaras e infelizmente essa cabeçada será mais lembrada do que o bola de ouro, por outro lado foi a origem de uma música muito engraçada na França. Parece que tudo nessa vida tem dois lados 🙂

  3. Claudia disse:

    Nada justifica a violência… nem física e nem verbal!
    Não se pode afirmar que houve violência verbal; mas a melhor resposta com certeza seria simplesmente o desprezo para com o agressor!

  4. Brun@ B.L. disse:

    eu acho q ele estava certo pois outro jogador o agredil

  5. Macedo disse:

    E vcs viram essa campanha publicitária que foi banida por reviver a cabeçada de Zidane??? http://www.ypsilon2.com/blog/publicidade/bet-at-home-com-tera-campanha-banida-por-reviver-a-famosa-cabecada-de-zidane/


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado