Capacita  o para gestores do saneamentoMuito já se disse que a causa de inúmeras doenças está na falta de saneamento básico em nosso Brasil profundo. E mesmo nos grandes centros urbanos, ainda é um desafio ter acesso a rede de esgotos, a água potável, etc etc. Pois bem, lei com satisfação que uma rede formada por universidades brasileiras e instituições governamentais vai desenvolver cursos para cerca de 5 mil gestores, técnicos e operadores de empresas de saneamento básico. O projeto, chamado Rede Nacional de Capacitação e Extensão Tecnológica em Saneamento Ambiental (Recesa), divide-se em quatro núcleos regionais, geridos por 14 instituições de ensino. Segundo o site do Programa nas Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a Recesa pretende capacitar os profissionais em temas que vão do abastecimento de água até o manejo de resíduos sólidos urbanos. As atividades abordarão quatro áreas: abastecimento de água, esgotamento sanitário, gestão das águas pluviais e gestão dos resíduos sólidos. Até o fim de 2007, deverão ser realizados 150 cursos sobre temas como tratamento de água e esgoto, tubulações, conservação de água e energia elétrica, controle de qualidade de água, resíduos sólidos, formação de gestores, entre outros. Dispor na cidade de uma eficiente sistema de saneamento é uma questão de direito.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado