Um 2007 àqueles que fazem parte da paisagem

Aqueles que fazem parte da paisagem 01

 

 

Fim de ano, momento de fazer as contas – tanto as das finanças, quanto as das emoções. Comecemos pelo que interessa. E me interessa compartilhar este breve excerto de uma crônica do poeta Carlos Drummond de Andrade. Ele dizia: “Para ganhar um Ano Novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.” Desejo a cada um que acessa esse blog diariamente exatamente a advertência feita pelo poeta itabirano. Nem mais nem menos. E que seja um ano onde os “invisíveis”, “aqueles que fazem parte da paisagem” tenham um rosto e um nome, um semblante enfim. Esses “invisíveis” são os que estão na base da pirâmide social, os que se alimentam de luz no Brejo da Cruz, os que cheiram cola, os que dormem ao relento, os que fazem ponto nos sinais de trânsito, os que são malabaristas improvisados de artistas enquanto o sinal continua fechado. Que deixem de ser parte da paisagem, como as árvores, os postes, os imensos out-doors, as placas de sinalização. Gente é o que são. A eles, pois, desejo um ano de muitos abraços, sorrisos e pequenas alegrias que, vividas diariamente, formaram uma nova paisagem: o humano que há em nós, emergindo, cheio de força, a força da solidariedade.
Feliz 2007!

 

2 Responses so far.

  1. Dad disse:

    ………..***
    ……….*****
    ………*Feliz*
    ……..*********
    ……************
    …..******ANO****
    ….******2007*****
    …***COM MUITO***
    ..********AMOR*******
    ……….****
    ……….****
    …….***DAD****

  2. SAM disse:

    Querido amigo, que as paisagens da vida se tornem personagens principais nelas e que nós nos tornermos estandartes da causa da integração social, cultural, sexual e religiosa: que nos tornemos vivos mártires duma orgânica sociedade plural, em 2007 e para sempre.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado