E o mundo esquentou de vez!

E o mundo esquentou de vez

Agora o assunto — e o planeta — esquentaram de vez. É que o relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC, em inglês) da Organização das Nações Unidas (ONU) culpa a ação do homem pelo aquecimento global e prevê um cenário de catástrofe ambiental. “Concentrações de dióxido de carbono (CO2), metano e óxido nitroso aumentaram notavelmente como resultado das atividades humanas desde 1750, e agora excedem, em muito, os valores (anteriores)”, diz o relatório. “Os aumentos globais na concentração de dióxido de carbono se devem, sobretudo, ao uso de combustíveis fósseis e mudanças no manejo da terra, enquanto o aumento de metano e óxido nitroso se deve primordialmente à agricultura.” O documento diz que, até o fim deste século, a temperatura da Terra pode subir de 1,8ºC – na melhor das hipóteses – até 4ºC. Esperemos que este relatório deixe as pessoas chocadas e seja uma grave advertência aos governos a agirem com mais seriedade com relação ao clima do planeta. Kyoto ainda precisa ser assinado pelos Estados Unidos, que segundo especialistas, é o país que mais contribui para a desordem climática do mundo.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado