Não vou deixar passar barato o incêndio na UNB

Inc ndio na UNB

Não vou deixar passar barato o incêndio – criminoso – nas dependências da Universidade de Brasília, do apartamento em que moravam estudantes africanos. Uma coisa é se dizer anti-racista e outra é praticar atos de racismo, puro e simples. Não faz muito tempo duas pesquisadoras da Universidade de São Paulo fizeram uma pesquisa sobre o assunto contendo apenas duas questões a serem respondidas. A primeira perguntava “Você é racista?” 99% responderam que não. A segunda também era direta: “Você conhece alguém que seja racista?” 99% responderam que sim. Lembro que essa pesquisa deu o que falar, ou as pessoas não sabem o que o racismo, a discriminação pela cor da pele, pela etnia ou pela raça ou as pessoas dizem não ser racistas para não constranger um e outro. Mas, que tem algo errado na sociedade brasileira em relação ao racismo, tem.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado