Iniciativas simples que ajudam o planeta

Salvando o planeta 1A preocupação com o bem-estar do planeta não deve ser apenas de governos, de organizações não-governamentais. Pode ser de cada um de nós. Pois bem, lendo o livro de Joanna Yarrow, recentemente publicado pelo grupo Folha de S.Paulo e intitulado “1001 maneiras de salvar o planeta”, destaquei as seguintes iniciativas que qualquer um de nós pode fazer para preservar o meio-ambiente.  1) Se você vir qualquer indício de poluição, desde lixo jogado no parque até espuma na superfície dos rios, informe as autoridades locais e o Ibama. Talvez alguém já tenha notificado o problema, mas é melhor pecar por excesso do que por omissão. 2) Fuja dos desodorizadores de ambiente e faça sachês com ingredientes naturais, como pão fresco e grãos de café.  3) Economize água, espuma e bálsamo deixando de se barbear no fim de semana. Se a sua parceira reclamar, lembre a ela que está em jogo uma causa maior. 4) Esqueça os produtos de limpeza modernos: além de caros, eles evitam o contato com alguns germes que mantêm nosso sistema de defesa funcionando. Use bicarbonato de sódio, que é muito barato. Ele é bom para limpar tudo e tem ação fungicida. Amanhã apresentarei outras iniciativas.

2 Responses so far.

  1. SAM disse:

    Boas dicas, boas e simples. Mas a questão é que, na maioria das vezes, e aqui também, a simplicidade implica dificuldade: seresmos capazes de seguir essas dicas?

  2. C Salles disse:

    Obrigada por essas dicas e as outras, estou procurando-as na internet desde que foi informado o site http://www.questaodedireito.radiobras.com.br (é claro, lá não achei!). Vivendo e aprendendo! Vou continuar acessando aqui para conhecer as novas dicas para ‘salvar’ a nossa Natureza; mas, para ser sincera, não estou muito confiante em qualquer ação visando isto, não! (Uns fazem, outros desfazem!) “Fazer a minha (sua) parte!” Eis a frase! “Dar murro em ponta de faca” é que não dá, não é?!
    (Essa, por exemplo, de o governo do GDF mandar cortar as grandes árvores do Setor Park Way, dizendo que “é para evitar que os esgotos se entupam na época das chuvas”, será que dá para entender e engolir essa!?) “Não está mais aqui quem falou” (também frase!). “Fazer a minha parte!” Eis a frase! Não fazer parte de qualquer devastação. Olhar para o futuro, afinal “tudo que é vivo um dia morre”, deve ser porque o Planeta também é vivo, logo tem direito a morrer! Dá para entender?!


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado