Esse ano os chineses fizeram questão de mostrar que a tecnologia chegou para remodelar tudo e todos, começando pela recepção dos atletas e turistas nos aeroportos que foram recebidos por Robôs que entendem cinco línguas diferentes e podem responder a um grande número de perguntas feitas , até a própria tocha Olímpica que não escapou da Tecnologia e ganhou um pequeno tubo de gás propano, capaz de queimar por 45 minutos sem reabastecimento. Pouco é, comparado ao GreenPix, que todos que tiveram o prazer de ver a abertura conferiram uma parede composta pelo maior display de LEDdo mundo. Alimentado por foto-eletricidade, essa parede sustentável cobre a fachada do Complexo de Entretenimento Xicui em Beijing, mostrou e mostrará uma série de vídeos e performances. 

 

Mais uma vez, assim como na abertura, a Cerimônia de Encerramento contou com muitas luzes, fogos e tecnologia. 2.583 luzes e equipamentos de iluminação que pesavam mais de 300 toneladas foram usadas no evento. Após o céu de Pequim brilhar, a organização repetiu o início dos Jogos e, ao som de tambores, centenas de artistas estiveram no palco. Dois tambores gigantes flutuavam no Estádio Nacional e, pendurados a eles, dois artistas tocavam os instrumentos. Aos poucos os tambores iam sumindo e os atletas, carregando suas respectivas bandeiras, entravam no local em fila. Maurren Maggi portou a bandeira do Brasil e, com um largo sorriso no rosto, mostrava sua medalha de ouro conquistada no salto em distância. Em seguida, todos os atletas que participaram da competição entraram no estádio e fizeram uma grande festa.

A organização dos Jogos não deixou de homenagear os voluntários do evento. O Comitê Olímpico Internacional (COI) deu flores para 12 desses voluntários. Eles foram escolhidos entre os 100 mil que trabalharam nas instalações, mas também representaram 1,6 milhão de outros que ajudaram os organizadores do evento nas áreas de segurança, transporte, informação e serviços de alojamento. Além de Jimmy Page e Leona Lewis, mais música marcou o fim dos Jogos de Pequim. Ninguém menos que Plácido Domingos, que formava os famosos Três Tenores ao lado de Luciano Pavarotti e José Carreras, cantou com a cantora chinesa Song Zuying. Mais fogos e a surpresa estava por vir. O ator chinês Jackie Chan apareceu no centro do palco da cerimônia e, com o microfone nas mãos, não se intimidou e soltou a voz na cidade de Pequim.

Disparado, no coração deste jornalista que se pretende cidadão do mundo, o mais belo registro de multidões acontecido em 2008.


ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Observatório da Imprensa
  • Vale

ESPAÇO PUBLICITÁRIO

  • Carta Maior
  • Meu Advogado